25 de nov de 2008

Nuvens sempre querem encobrir o sol.
Não fosse assim não seriam nuvens.
Porque só chover já não basta.
É preciso cobrir o sol.
Roubar a luz.
Nuvens são falsas
Por trás de toda aquela fofura e brancura
Escondem partículas de gelo.
Adotam formas diversas.
Nuvens são volúveis,
Sempre levadas pelo vento.
Encombrem céu azul e sonhos,
Luz do sol e do luar
Transmutam toda cor em cinza
Trancam-me em casa. Trancam-me em mim.
*Há pessoas que, à primeira vista, pareceram-me fofas nuvens em lindo céu azul. Perdi horas vislumbrando qual forma tinham. Então revelaram o que escondiam: Chuva. Tempestade. Mas dissiparam-se. Volto a brilhar.


-Fabiane Ponte-

25 comentários:

Bill Falcão disse...

Ainda bem que essas nuvens logo se dissipam!
E tem umas que são bonitinhas mesmo!
Bjooooooooooo!!!!!!

renata disse...

muito bonito mesmo.. =)
mes que vem tô indo aí pra sua terra.. =)
bjs.

Gleidston dias disse...

Uma maravilhosa reflexão, a tantas nuvens vazias,o melhor mesmo é esperar que o tempo vai revelando qum são.
lindo espaço,parabéns!!!

Oliver Pickwick disse...

E, ainda causam ciclones, tornados, maremotos, tempestades tropicais...
Mas, é uma bela analogia em versos. Há muitas nuvens por aí.
Um beijo!

Luiza Bastos disse...

Mesmo assim, talvez todos nós tenhamos uns dias meio nuvens.

acqua disse...

Boa noite carissima, que bela descoberta me parece tu nesta noite de ventos fortes. Pessoas que se parecem nuvens. Mas o bom das nuvens é que elas se dissipam e geralmente com a ajuda do vento e eu adoro vento. E gostei daqui, então se me permite, vou linkar vc no meu reader, para novamente chegar-me aqui sem aviso prévio. Abraços meus

Tatah Marley's Confissões disse...

logo após a chuva sempre vem aquele lindo sol, de preferencia acompanhado de um arco iris não é?!
lindo lindo!

Desnuda disse...

Há uma profunda verdade no seu texto, amiga. E digo profunda, porque esta analogia feita por você parece clara como o sol, mas chegar a forma observadora e transpor para forma poética, como fizeste, tivera que atravessar densas nuvens. Grande sensibilidade a tua, Fabiane!


Beijos, querida.

Fernando Rozano disse...

nuvens...quem não as vê, quem não as vive, que não as vê indo embora. existem, como o sol e a luz. beijo.

Janaina disse...

Sim. Dissipam-se.
E a gente sofre um pouco e depois vê que foi beeem melhor assim.
E você? Está bem?

Gabriel disse...

nuvens também são desenhos, formas abstratas que vagam sem direção pelo céu...

a chuva também renova, limpa a alma, nos enxerga a perceber melhor certos contornos...

ambiguidades!

beijos!

SAM disse...

Beijos, querida!

Anderson Meireles disse...

Pessoas com cara de nuvenm sempre existirão. Por sorte, são mais fracas do que tudo!
Abraço!

Clarissa Barth disse...

Puxa, fazia tempo que eu não passava por aqui... e encontro duas novas belas poesias!

Ah, o bom das nuvens é que elas dissipam-se... mas nem por isto a gente precisa deixar de olhar prá elas de vez em quando. De longe!

beijos saudosos.

garotabossanova disse...

Puxa, nunca tinha pensado nas nuvens sob esse prisma sabe? só mesmo olhos de poeta para falar das coisas cotidianas de uma maneira diferente.Amei o seu cantinho.Eu volto.Posso?

SAM disse...

Querida,

meus votos de um feliz natal para você e seus familiares.

Grande beijo

Desnuda disse...

Meus sinceros votos de um feliz e renovador natal para você e seus familiares e que todas as suas esperanças se concretizem em 2009, .............!


Beijooooooooooooooooohohohohoho!

meus instantes e momentos disse...

vc só precisa postar mais um pouco.
Maurizio

Menina Lua disse...

Amiga,
faz tempos que não passo por aqui.
Vim hoje deixar meus votos de feliz natal e feliz ano novo.
Deparei-me com as nuvens.
Agora tenho pensado nas vezes em que talvez eu tenha sido nuvem de alguém...
Estou numa época de reflexão.
Se precisar de mim para alguma coisa, sabe onde me encontrar.
Fica com Deus.

Alexandre Gil disse...

toquei em um encontro estadual da igreja catolica uma musia em q uma parte diz assim:

".... pq sei q atras das nuvens o ceu nao deixou de brilhar só pq a terra escureceu. uou uou uou"

resumindo: meu Deus e maior q meus problemas

q bom q voltaste Poetisa

Fernando Rozano disse...

meu desejo de que cada um dos teus dias sejam plenos em alegria, felicidade e paz. meu abraço carinhoso.

Estava Perdida no Mar disse...

Eu sempre gosto de crer q qq pessoa pode ser inicialmente um céu de tempo ameno...daqueles q te dão prazer, sem te deixar suada ou com frio. Pena q algumas realmente são raios, trovões e tempestades.

A vantagem é que muitas tb são dias de sol e mar...lua e estrela. A gente tb pode escolher com quais elementos do universo e da natureza podemos brincar.
Beijos

Palavras de Osho disse...

Viva sua tristeza com total autenticidade. E você ficará surpreso ao ver que uma porta miraculosa se abre em seu ser. Se você puder viver sua tristeza sem nenhuma imagem de ser feliz, você fica feliz imediatamente, porque a divisão desaparece. Não há mais nenhuma divisão.

“Sou a tristeza”. E não há nenhuma questão de algum ideal de ser algo mais. Assim não há nenhum esforço, nenhum conflito. “Sou simplesmente assim” e há um relaxamento. E esse relaxamento é graça, e esse relaxamento é alegria.

Todo sofrimento psicológico só existe porque você está dividido. Dor significa divisão e alegria significa nenhuma divisão. Isso pode parecer paradoxal a você: se a pessoa estiver triste, como é que ela pode ficar alegre aceitando sua tristeza? Irá parecer paradoxal, mas é assim. Experimente!

Não estou dizendo para tentar ser feliz; não estou dizendo isso, “Aceite sua tristeza para que você possa ser feliz”. – Não estou dizendo isso. Se essa for sua motivação então nada irá acontecer; você ainda estará lutando. Você estará olhando pelo canto de seu olho: “Tanto tempo já passou e eu aceitei até mesmo a tristeza, e estou dizendo ‘Sou a tristeza”, e ainda assim a alegria não está vindo”. Ela não virá desse jeito.

Alegria não é uma meta, é um subproduto. Ela é uma conseqüência natural da integridade, da unidade. Apenas seja um com essa tristeza, por nenhum motivo, por nenhum propósito particular. Não há nenhuma questão de qualquer propósito. É assim que você é nesse momento, essa é sua verdade nesse momento. E no próximo momento você pode ficar zangado: aceite isso também. E no próximo momento você pode ser algo mais: aceite isso também.

Viva de momento a momento, com tremenda aceitação, sem criar nenhuma divisão, e você está a caminho do autoconhecimento.

Osho, em Unio Mystica

Denilson D'Almeida disse...

sempre arrasando!

Desnuda disse...

É minha amiga...Fico triste a cada perguntinha que faço as minhas filhas e a resposta é sempre a mesma - Eu falei mãe,mas você estava no computador!Preciso estar mais atenta ao que de real me faz feliz.



Um beijo, Fabiane!