20 de jul de 2008

Incompleta

Nunca andei por caminhos retos,
em rotas já descobertas
ou em linhas tracejadas.

Foi sempre o susto
De esperar campinas
e ver-se à beira de abismos,
de buscar o mar
e encontrar desertos.

Faltam-me bússola e astrolábio

Nunca realizei o sonho de ninguém,
nem dei as respostas certas
ou sentei-me no lugar marcado.

Foi sempre o susto
de colher amor
onde plantara lágrimas,
de sangrar-me em prantos
e ouvir Amém.

Faltam-me asas e garras

-Fabiane Ponte-

22 comentários:

Alexandre Gil disse...

vc é igual ao Espirito Santo, nao tem a identidade do Pai, nem do Filho, nao traz respostas diretas, nem resultados imediatistas, nao vive de vaidade, mas biblicamente o unico pecado que nao há perdao é contra Ele.

Enfim, vc talvez nao seja o sonho, talvez nao tenhas as respostas certas, mas neste momento, lhe afirmo, a existência e sua familia nao sobriviveria sem vc.

Ígor Andrade disse...

Texto interessante, e foto muito bonita.
Abraço e boa semana!

renata disse...

muito bom! adorei!
bjs.

Fernando Rozano disse...

poesia contundente, forte, sangüínea, bela, triste, de horizonte e mar, e de palavra e escrita que jamais estiveram ausentes. um grande texto. beijo.

Estava Perdida no Mar disse...

Não se desvende. Vai ficar sem graça. Aproveita esta incompletude. Ande pelas linhas tortas, com passos tortos, bêbados, desengonçados. Apenas a cabeça...esta sim, mantenha sempre ereta.
Beijos, poetisa

Lívia Vasconcelos disse...

asas e garras...tá aí o que me falta tbm.
Cancei de buscar e não achar!
Como sempre tuas palavras lindas!
Andava com saudade daqui!
:]

Ana Luisa disse...

"Faltam-me asas e garras"
Ahh, luto contra isso. É muito difícil, mas luto.
Bjs.

Luiz disse...

Oi Fabiene, acho que não lhe faltam nem garras, nem asas. Voce já está voando alto nas suas poesias. beijo

Marcos França disse...

Primeiramente queria reverenciar este Blog. Muito bom. Sou editor e responsável pelo blog Cultura Nordestina: http://culturanordestina.blogspot.com/, nele divulgo os diversos ramos de nossa cultura popular nordestina e brasileira. Gostaria de saber se é possível adicionar meu blog em sua seção de links. De antemão já agradeço a atenção. Aguardo retorno. Obrigado.

Bill Falcão disse...

Mas, mesmo sem asas, você sabe voar longe, AnaLua!!!
Bjooooooooooo!!!!!!!!

Paradoxos disse...

Fizeste-me voar!!
Completa-mente!

Anderson Meireles disse...

Amém! Não lhe faltam asas pois sobrevoa o tudo com muita leveza.
Também não faltam garras, pois os arranhões que causa nas almas dos seus leitores foram feitos com garras bem afiadas,
um abraço!

Gabriel disse...

Mas que falta de paixão seria uma vida de linhas retas, rotas descobertas ou linha tracejadas. E não é justamente a surpresa de ansiar por aquilo que ainda não se desvendou o grande combustível que nos motiva a ir, ver, sentir além?

Beijos!

ROSA E OLIVIER disse...

"Desde mi ventana,
campo de Baeza,
a la luna clara!"

António Machado, nasc. 26/7/1875, Sevilla...para ti...Sibila de Delfos...

Nana Psico disse...

Recadinho prá você lá no meu blog...
;-)
Beijos!

RESSACA disse...

Aqui nasceu o Espaço que irá agitar as águas da Passividade Portuguesa...

Guilherme Franco disse...

Diga-me a quem queres agradar, e eu te direi o que te tornas. Porém, se queres agrado na solidão, és para mim uma incógnita.

SAM disse...

Querida amiga,

linda foto e poesia. Siga o instinto, as estrelas, a lua, o sol. Não desanimes se por ora fatam-lhes garra e asas. És mulher sábia e guerreira. Saberá encontrar o caminho, talvez entre lágrimas, afinal somos humanos. O ímpeto de um susto poderá ser a mola propulsora para o seu vôo.E suas garras serão afiadas no oportuno momento.

Grande beijo

Ricardo Valente disse...

O poema é lindo, a segunda estrofe genial. Parabéns! Abraço.

Lisa Alves disse...

Como já disse um cara antes "Tudo que é reto mente a verdade é curva. O próprio tenpo é redondo"

Adorei teus versos e é um prazer contatar uma prima do Junior. Convivo com ele 9 horas por dia. rs

O monstro agradece a visita

beijos

Lisa

SAM disse...

Grande beijo querida!

Santhiago Ramirez disse...

Nossa, fizeram uma biografia minha e não me contaram! Rsss....
Linda! Maravilhosa!
Beijos carinhosos, muitos, do Thiago