16 de nov de 2007

Duas velas

No meu altar
há sempre duas velas acesas
uma para Santa Maria
outra para Santa Madalena

As duas sempre estão a iluminar meu caminho


Há sempre uma oferenda de lírios brancos e de rosas vermelhas


Maria desperta-me a pureza de coração
Revela-me bondosa e compassiva
Madalena desperta-me a coragem de amar
Revela-me a violência das minhas paixões



No meu altar
há sempre dois sacrifícios oferecidos
Um pra Deusa Demeter
Outro pra Deusa Afrodite



As duas sempre estão a aflorar os meus instintos


Há sempre uma oferenda de ramos de trigo e de conchas do mar


Deméter desperta-me a Mãe eterna
Revela-me protetora e nutridora
Afrodite desperta-me a amante enlouquecida
Revela-me a sensualidade e a força da minha paixão vermelha...



Sou sempre eu mesma ainda que outra.


Um só coração bate nesse corpo de alma dividida


Porque sou plural
Ando sempre aos pares
Nunca estou só
Eu sou nós.

-Fabiane Ponte-

13 comentários:

hemisfério norte disse...

"pq sou plural....eu sou só nós"
:)
gostei
bj
a.

Pês na Vida disse...

És delicia... flutuo a navegar aqui... sinto me perto do céu...perto das nuvens... meu corpo se torna cada vez mais leve ao ler nuvens escritas...benção de poesia... aula de Amor, alegria e Vida!!! Agradeço por trazer um pouco e um muito de paz a minhalma... com a música então é delírio ...extase... Nirvana!!! Encanta me...

Bill Falcão disse...

Rosas vermelhas, rosas brancas...Ficou bonito o teu altar, AnaLua!
Bjuuusss!!!

kakauzinha disse...

A Pureza de Maria, a Dedicação de Madalena, mas ambas albergando um Amor imenso, amores diferentes sem os quais não podemos viver.

Maravilhosas palavras as tuas!

Um beijo grande e muito azul pa Tu***********

Menina Lua disse...

Eu adoro essa coisa de ser plural...

O Profeta disse...

Mas minha querida, tu tens um coração puro e uma intensa luz que deus apenas dá a alguns...


Bom fim de semana


Mágico beijo

Ana D disse...

A dualidade humana..Ou a multiplicidade ? rs

pêsnavida disse...

Meu pai esses dias disse que sou sensitivo... foi muito legal, ele dizer isso... É algo assim que acontece comigo...quando estou conversando com alguém que me traz boas emoções, minha inspiração poética surge... são as energias amigas... a alegria da troca, do encontro... Então essas palavras são o encontro dessas energias... Veja só o se jogar no abismo foi uma amiga que disse, já o anjo foram suas energias... Legal é nosso!!! Pode usar tudo que quiseres...é uma honra!!! Fico até sem palavras...ao pensar :)

SAM disse...

Uns dias fora e chego saudosa...

Querida, maravilhoso esta observação " eu sou nós". É verdade! E temos que ter a consciência desta peculiaridade e facetas tão femininas para que possamos viver em harmonia. E que bom você entender tão bem isso.

Linda poesia, como sempre.

Grande beijo.

Giovana disse...

Meninas... você é um espetáculo com tudo isso que escreve.
Lindo, denso, tocante!
Parabéns pelo dom maravilhoso de escrever e nos tocar.
Bjo amore!!

Natália Nunes disse...

Oi, Ana!

Olha, gostei muito da sua visita!
Seja bem vinda sempre :D
E obrigada pelos elogios.

Abraço!

Sônia Amélia disse...

Ora, ora... é só eu dar uma sumidinha e a coisa por aqui se transforma... E para melhor... Não quero que pare de fazer essa bruxaria espetacular que só vc consegue... Do template às palavras, fiquei literalmente encantada... Suas fases de lua e de menina estão crescente... Espetacularmente emocionante. Ou como diria a Giovana... Intensamente... bjks

Lívia Russo disse...

Sómos todos todos nós!!
ninguém consegue imparcialidade tratando-se disso , não???
amo sempre vir aqui...e vc , quando lança o livro???
:*
:*
:*
e que as velas não apaguem!!
JAMAIS ;)