13 de out de 2009

Do amanhã e seu depois

Guardo-te,
Em segredo,
De mim
dos meus desejos


Guardo-te,
E espero
A ocasião certa
o dia perfeito


Guardo-te
E rezo
Para que dê tempo
E que os anos se apressem


Guardo-te
E aguardo-me
Inteira e pronta
Eterna e breve
-Fabiane Ponte-